Solo Uno Sangiovese 2010 | Seleção Obras-Primas

Solo Uno é uma seleção da variedade que, a cada ano, completou de maneira mais precisa seu equilíbrio natural e portanto a bodega elabora de maneira independente. E para que nossos associados comprovem o quão caprichosa é a natureza, nesta Seleção-Obras Primas apresentamos 2 vinhos, de 2 variedades, de 2 colheitas consecutivas: em 2009, um 100% Cabernet Sauvignon e em 2010 um 100% Sangiovese, que procuram transmitir as peculiaridades de cada colheita.

País: Itália
Região: Toscana
Indicação Geográfica: IGT Rosso Toscano
Uvas: 100% Sangiovese
Maturação: 12 meses de crianza em barris de carvalho franceses novos
Álcool: 13,5% vol.
Produtor: Fattoria Castelvecchio

O vinho
Em 2010, as condições ambientais fizeram com que a Sangiovese fosse a uva selecionada para elaborar o Solo Uno. A uva é procedente do vinhedo “Il Cipresso” que está exposto ao sudeste, na encosta. Vindimado no seu ponto ótimo de maturação em caixas de 12 quilos, uma vez na bodega as uvas foram maceradas em depósito de aço inoxidável durante 48 horas. A fermentação alcóolica e a maturação feita posteriormente levaram 18 dias. Depois, o vinho foi trasfegado para os superbarris de carvalho francês de Borgonha. O perído de crianza durou 12 meses e, logo após, o enólogo realizou a cata barril por barril, selecionando somente os 10 melhores para o Solo Uno Sangiovese 2010. Uma vez engarrafado, o vinho selecionado ficou, no mínimo, dois anos na bodega, antes da comercialização.

Cata
Vermelho-rubi com borda cor de telha e lágrima que se destaca. Assim como o seu companheiro, necessita respirar, para que se veja a evolução dos aromas, que vão desde o cacau no início, até a fruta preta como a ameixa, em fusão com notas de fumaça e caixa de charutos. Na boca, mostra-se amável e com boa acidez, dando passagem para notas de fruta vermelha supermadura, bem acompanhada por taninos doces e sedosos, que dão amplitude e longitude ao vinho.

sociedade-da-mesa

Harmonização
Continuaremos com pratos da culinária italiana. Neste caso, a delicadeza deste Sangiovese permite sugerir um início com salada de rúcula, maçã e queijo gorgonzola, seguida por um carpaccio bovino e terminando com um tiramisu, que se encaixa à perfeição com os sugestivos aromas de cacau do vinho.

Serviço
Sua temperatura de consumo deve estar entre os 15 e os 17ºC. Necessita de oxigênio, por isso é imprescindível decantá-lo para melhorar a oxigenação, além de esperar 30 minutos para consumi-lo.

Guarda
Está em um excelente momento de consumo, com uma boa integração de fruta e madeira, esta última bem definida. Continuará crescendo na garrafa pelos próximos anos. Estima-se um consumo ótimo dentro dos próximos seis anos (2017 até 2023). Como costumamos sugerir com seleções mais que especiais, procurem uma boa ocasião para abrir este vinho.

Texto: Alberto Pedrajo

Experimente nossas seleções e viva a melhor e mais abrangente experiência enológica. Associe-se!

 

Deixe uma resposta